Home > Coaching > Aprenda a utilizar as técnicas de coaching para ser mais feliz no trabalho

Aprenda a utilizar as técnicas de coaching para ser mais feliz no trabalho

Saber o que aproxima as boas energias é o primeiro passo para começar a buscar a felicidade

iStock.com / AnnaKravets O coaching ajuda você a se conhecer melhor e a buscar as coisas que lhe fazem feliz.

Sentir-se feliz no ambiente de trabalho e com as tarefas exercidas só tende a trazer bons resultados. Pessoas felizes esbanjam bom humor, contagiam o ambiente de maneira positiva, são mais resilientes, diligentes e também são mais produtivas.

Por mais que você tente separar vida pessoal da profissional, se um desses campos não está bem, o outro acaba sendo influenciado. Por isso, sempre é tempo de parar e pensar sobre as coisas, pessoas e situações que lhe fazem feliz de verdade, seja na vida particular, seja no ambiente de trabalho.

Neste processo, as técnicas de coaching podem ajudar. O coach, sabendo que seu foco é alcançar e manter a felicidade, conduz as sessões com o intuito de levar você a identificar as ações que ajudam a vivenciar verdadeiramente esse momento. Isso porque não existe felicidade plena e eterna. É justamente a busca por manter esse sentimento na nossa vida que nos move diariamente.

Como funciona o coaching

O processo de coaching consiste em promover diálogos e questionamentos com o coachee, de forma que este possa encontrar o direcionamento para alcançar seus objetivos. Neste caso, a felicidade no trabalho.

Ao definir o objetivo e as formas de alcançá-lo, o coachee, ou seja, você, precisa estar pronto para passar a realizar tarefas que lhe mantenham no caminho certo, ao mesmo tempo em que deve deixar de lado tudo aquilo que serve de obstáculo para tal.

Mudar é um processo doloroso, pois envolve reaprender certas práticas e se desvencilhar de outras. Mas quando há determinação e foco, as dores e as dificuldades acabam servindo de impulso para que o objetivo tão desejado seja alcançado o mais rápido possível e seus resultados sejam permanentes.

Psicologia positiva e automotivação: chaves para a felicidade no trabalho

No atual ambiente de trabalho, cheio de desafios a tarefas urgentes chegando a todo momento, ter tudo sob controle é algo praticamente impossível. Muitas vezes seu trabalho é parte de um processo que envolve outros departamentos e pessoas que possuem seus ritmos e personalidades.

E para que os fatores externos não comprometam seu desempenho no trabalho, é preciso que você aprenda a olhar o que cada colega de trabalho ao seu redor tem de melhor, de pontos positivos. Ao evidenciar o bem que eles proporcionam na sua vida, você pratica a psicologia positiva e torna mais suportáveis os defeitos que seus colegas carregam. Tenha a certeza de que você também apresenta muitos defeitos, mas são as suas qualidades que levam as pessoas a se aproximarem.

Ao dar ênfase aos sentimentos bons, você permite que o ambiente de trabalho fique mais leve e, como já dissemos outras vezes, os sentimentos, tanto bons quanto ruins, contagiam. Problemas todas as empresas apresentam. O que muda é a forma como se olha e se lida com eles.

Outro ponto que aproxima a felicidade do trabalho é a automotivação. Quando não temos autoconhecimento, nos deixamos levar pelos sentimentos dos outros, o que torna nosso dia uma gangorra. Se o colega ao lado está feliz, ficamos também. Se ele está triste, nos desmotivamos e produzimos abaixo do necessário. Por isso, saber se blindar é importante, uma vez que o mal humor dos colegas não pode afetar o nosso desempenho e o nosso dia.

A prática da automotivação varia de pessoa para pessoa. Há quem goste de olhar para a foto de um ente querido; ou que precise ouvir a música preferida para renovar as energias. Encontre a sua forma de manter a chama da motivação acesa e veja como seu dia de trabalho será muito melhor!

Matérias Relacionadas