Home > Desenvolvimento Humano > Ética empresarial e profissional: é possível usá-las como um diferencial no mercado?

Ética empresarial e profissional: é possível usá-las como um diferencial no mercado?

iStock / Getty Images Plus / SasinParaksa Empresas que possuem ética empresarial e profissional apresentam um excelente diferencial competitivo, pois cultivam o bem-estar social.

Muito discutido no mundo atual, especialmente nos âmbitos da política e da filosofia, o conceito de ética pode ser entendido como um conjunto de práticas e valores morais que conduzem as ações humanas e sua interação com o restante da sociedade. No que diz respeito ao ambiente de trabalho, a ética empresarial e profissional é fundamental para empresas e trabalhadores que desejam se destacar e alcançar sucesso no mercado.

Prezar pela ética é essencial para qualquer organização, independentemente do seu ramo de atuação ou porte. Isso porque, ao se mostrar transparente e correta perante à sociedade, a empresa passa a ser vista pelo consumidor como séria, responsável e confiável — o que é excelente para atrair novos clientes, parceiros e investidores. Por outro lado, organizações que desrespeitam seus consumidores e agem de maneira falsa estão fadadas ao fracasso.

Qual o impacto da ética dentro de uma empresa?

Dentro da organização, a ética corporativa incentiva boas relações e fomenta um comportamento ético também entre os colaboradores. Quando as atividades internas de uma organização são pautadas em atitudes e valores positivos e corretos, há a construção de um ambiente de trabalho agradável e respeitoso, em que há comunicação clara e todos estão dispostos a cooperar uns com os outros.

A ética profissional está diretamente ligada a este conceito, já que são justamente os colaboradores que fazem uma empresa ser o que é. Agir com ética profissional significa cumprir com suas obrigações de maneira honesta, respeitar as normas que regem as ações corporativas, ter responsabilidade e sempre respeitar os demais.

Em geral, as práticas que compõem a ética profissional estão diretamente associadas à maneira como o indivíduo se comporta perante à sociedade: se a ética faz parte de sua rotina pessoal, certamente refletirá no trabalho.

Ética como diferencial competitivo

Uma empresa certamente precisa gerar lucro para sobreviver no mercado, mas o ideal é que isso não seja alcançado a qualquer custo e sem preocupação com o bem-estar social — e sim com dedicação e trabalho honesto. Adotar padrões éticos de comportamento tornou-se um importante diferencial competitivo para as empresas, já que a tendência é que a sociedade consumidora se preocupe cada vez mais com a responsabilidade social e ambiental.

A competitividade, portanto, jamais deve ser vista como uma disputa agressiva em que “vale tudo”. Em vez disso, ela deve se pautar na qualidade dos produtos oferecidos, na competência, na boa relação com os clientes, em iniciativas que beneficiem a população e em ações de sustentabilidade. Uma empresa que age dessa maneira conquista clientes leais e contribui de maneira positiva para o desenvolvimento da sociedade em que está inserida.

No que diz respeito à ética de cada profissional, é essencial que a empresa aponte o padrão que exige de seus colaboradores, sempre cultivando um ambiente de trabalho gentil e respeitoso. Profissionais que demonstram este tipo de atitude tendem a alcançar o sucesso e se destacar no mercado, colaborando para seu crescimento individual e para a empresa como um todo.

Matérias Relacionadas