Home > Desenvolvimento Humano > A importância do uso de dinâmicas para identificar novos líderes

A importância do uso de dinâmicas para identificar novos líderes

iStock / Getty Images Plus / skynesher Saber identificar o perfil de liderança nos profissionais é muito importante para o desempenho organizacional, e as dinâmicas são excelentes ferramentas para isso.

Contar com bons líderes é um dos principais segredos para alcançar o sucesso, seja ele dentro de um grupo, movimento, empresa, instituição, governo ou em qualquer outra situação. No ramo das empresas, o bom líder é responsável por direcionar todo o grupo, orientando aos melhores caminhos e ações.

No entanto, a dificuldade em encontrar e desenvolver bons líderes é um desafio constante dentro das organizações e grupos, uma vez que esta tarefa exige paciência, olhar criterioso e capacidade de perceber, nos detalhes, os indícios de que um determinado colaborador tem o perfil de um líder.

Saber identificar o perfil de liderança nos profissionais é muito importante. Muitas vezes, os gestores acabam gastando esforços na busca de um líder externo, enquanto o que ele procura pode estar dentro da própria empresa, em um funcionário que não teve as chances de mostrar o seu potencial.

Uma das formas mais eficazes de identificar um líder é por meio da realização de dinâmicas desenvolvidas dentro da empresa. A forma como cada profissional se comporta diante dessas atividades, como ele se posiciona em frente às propostas, como ele age em relação aos demais colegas e como enfrenta as dificuldades apresentadas são alguns fatores que podem destacar um bom líder.

Exemplos de dinâmicas para identificar um bom líder

Dinâmica do caos

Apesar de ser extremamente fácil de aplicar, esta dinâmica é muito eficaz na hora de mostrar os profissionais preparados para ser um líder. A atividade consiste basicamente em retirar todos os funcionários da sala e formar um verdadeiro caos: jogue objetos no chão, vire os móveis, desligue computadores e tire tudo de seu lugar. Em seguida, chame os funcionários de volta para a sala e diga que você é cego, surdo e mudo, e que eles estão livres para fazer o que bem entenderem.

Diante dessa situação, você conseguirá identificar quais profissionais irão escolher pela procrastinação, quais vão querer arrumar as coisas por conta própria e quais tentarão organizar o grupo para arrumar tudo em equipe.

Dinâmica da confiança

Para executar essa dinâmica, peça para que os participantes se posicionem de costas um para o outro, unidos ombro a ombro. Em seguida, diga para que eles se abaixem até o chão, sem utilizar as mãos. Os que conseguirem estabelecer uma confiança no parceiro conseguirão cumprir a tarefa, enquanto os que agirem de modo particular cairão no chão.

Essa dinâmica mostra a importância da confiança mútua, característica essencial para um bom líder.

Quer saber como despertar o espírito de liderança que existe em você? Leia mais posts sobre Liderança!

Matérias Relacionadas