Home > Produtividade > 7 dicas para desenvolver a concentração no trabalho

7 dicas para desenvolver a concentração no trabalho

Especialista em recursos humanos diz que atitudes práticas podem ajudar a manter o desempenho profissional

© Depositphotos.com / Wavebreakmedia A falta de concentração prejudica a produtividade e a qualidade dos trabalhos realizados.

A concentração é uma habilidade muito procurada pelas empresas. Afinal de contas, um trabalho de qualidade é fruto de uma série de competências, entre elas o foco. Sem ele a produtividade tende a cair, assim como os resultados esperados.

“Conversa com colegas, mensagens no celular, notificações de redes sociais e problemas pessoais são alguns dos fatores externos que atrapalham a concentração. Porém, a boa notícia é que existem ‘truques’ para condicionar a mente a manter o foco, evitando estas distrações”, conta Rafael Ramalho, especialista em recursos humanos da Woli, empresa de treinamento corporativo à distância.

Atitudes como ter uma boa noite de sono, manter uma alimentação equilibrada e reduzir o sedentarismo podem ajudar a aumentar a concentração. Rafael Ramalho enumerou mais sete atitudes que podem ajudar o profissional a se concentrar e melhorar seu desempenho. Veja:

Como aumentar a concentração no trabalho

Alimente-se bem: permanecer muitas horas sem se alimentar não é uma boa opção para conseguir se concentrar em alguma atividade. “Prestar atenção” nos demanda uma grande quantidade de energia.

Fracione sua jornada: a mente humana consegue se prender a uma única atividade no máximo por uma hora, depois desse tempo o foco irremediavelmente se dissipa. Por isso, faça pequenas pausas a cada hora. Após um breve descanso seu cérebro estará preparado para um novo período de trabalho.

Arrume a bagunça: armários, mesas e ambiente de trabalho desordenados são “inadequados para a mente”. O cérebro tende a se identificar com o ambiente. A desorganização externa inviabiliza a organização interna.

Cuidado com a ergonomia: a postura deve ser correta e agradável. Esta atitude evita distrações devido ao cansaço do corpo ou dores.

Durma: quem dorme pelo menos sete horas por noite apresenta uma atividade intelectual e cognitiva significativamente superior no decorrer do dia.

Use sua voz em alto e bom tom: diga em voz alta aquilo que se propôs a realizar. Essa afirmação será utilizada pelo lobo temporal (parte do cérebro responsável, entre outras coisas, pela memória) e irá impedir que outros pensamentos e emoções dispersem você.

Registre: existe um grande benefício em escrever as ideias usando papel e caneta, quem registra as informações à mão tem mais destreza para compreendê-las e memorizá-las.

E-book gratuito tudo sobre coaching

Matérias Relacionadas